• info@globalwines.pt
  • Quinta das Sarzedas
  • +351 232 960 140
  • Do Minho ao Douro, passando pela região do Dão até à planície alentejana, são inúmeras as quintas a franquear os mistérios da arte de vindimar aos cultores do vinho e da vinha em Potugal

    Expresso - 25/09/2016

    A verdade está na uva

    Do Minho ao Douro, passando pela região do Dão até à planície alentejana, são inúmeras as quintas a franquear os mistérios da arte de vindimar aos cultores do vinho e da vinha.

    A falta de tempo ou a distância são fraca desculpa para não sair de casa e regatear aos filhos um dia de azáfama entre parras, uvas, lagares e animais da quinta. Do norte a sul do país, nesta época de vindimas haverá sempre uma quinta próxima de si disposta a partilhar os segredos que se escondem no fundo de uma garrafa dos vinhos de terroir português, cada vez mais premiados e afamados.

    Apenas a 30 quilómetros de Lisboa, em Gradil, Mafra, a Quinta de Sant’Ana está pronta a revelar aos mais novos as tradições da vindima, o processo de produção de vinho, e ainda do mel, marmelada, compotas de figo e pêssego. Ann e James Frost, pais de uma família de sete filhos, são os anfitriões desta quinta descontraída, que alberga quatro casas e piscina embrenhadas na paisagem. Além dos apetecíveis piqueniques na vinha, os pequenos vindimadores por um dia são convidados a explorar a natureza e a interagir com os animais da quinta. Em caso de visitas e provas em família (€35 por adulto), os miúdos não pagam, salvo se os pais optarem por serviço de baby sitter.

    “Viver o Alentejo em época de vindimas” é de novo a tentadora proposta da Herdade do Esporão. Até 1 de outubro, os fãs da rota dos vinhos DOC de Reguengos de Monsaraz têm muito a descobrir para além da apanha da uva, das visitas guiadas às caves, às provas de vinhos, ao almoço enogastronómico no restaurante Esporão. O dia de prazer mas também de labuta começa com café no alpendre com vistas para a albufeira da Caridade, antes da partida de tesoura na mão rumo às vinhas, enquanto os anfitriões contam as vantagens da agricultura sustentável da herdade, à mistura com histórias e saberes populares. A romagem à adega e à cave a 30 metros de profundidade é brindada com prova de vinhos, até voltar à tona com o apetite aguçado para a mesa (programa completo €85, sem almoço de harmonização de vinhos €65).

    Ainda em pleno Alentejo, a colheita de uvas brancas já começou na herdade da família Serrano Mira, vitivinicultores há sete gerações. Na Herdade das Servas, em Estremoz, os vindimadores começam por conhecer a adega, seguindo depois para a experiência mão na uva na mesa de escolha, onde é feita a seleção dos cachos. Depois, chega o esperado momento de saltar para o lagar de mármore e pisar a uva, de preferência antes das provas de vinhos e almoço. Para mais tarde recordar, há ainda direito a t-shirt e garrafa de vinho (€50/€25 sem almoço).

    Saltando rumo ao Norte, na revigorada região do Dão, a Casa de Santar, em Nelas, propõe uma viagem no tempo e na história, através de jornada de trabalho de práticas ancestrais de todo o ritual vínico. De 24 de setembro a 8 de outubro (€45/€20 até aos 12 anos), a azáfama é intercalada com refeições a céu aberto, lado a lado com os profissionais que trabalham ao ritmo de cantares típicos. De volta à Casa de Santar, espera-o um circuito à adega e explicação sobre a influência dos processos de vinificação nas características de cada vinho. Para levar o espírito da vindima a sério, não falta a desafiante pisa da uva a pé num dia a finalizar com visita guiada aos jardins deste solar dos finais do século XVII e ao seu Museu dos Coches.

    Na mais antiga região demarcada do mundo vínico, Património Mundial da UNESCO desde 2001 e berço do renomado Vinho do Porto, o Douro é mais convidativo do que nunca nesta altura de reencontro de usos e costumes. A celebrar 260 anos de história e a dar o exemplo de partilha duriense, a Real Companhia Velha, fundada em setembro de 1756 sob Alvará Régio de El-Rei D. José I, convida a partir de hoje debutantes e saudosistas para um dia de vindimas. A Harvest Experience tem por cenário a Quinta das Carvalhas, pendurada sobre o rio junto ao Pinhão, e a Quinta do Casal da Granja, no planalto de Alijó. Após uma manhã de colheita, o almoço vínico é servido na curiosa Casa Redonda, no topo da propriedade, a 500 metros de altitude. Retemperadas as forças, o trabalho continua no Casal da Granja, na mesa de escolha de uvas, jornada que culmina com a pisa nos lagares de granito e incontornável prova de vinhos (17 de setembro e de 1 a 5 de outubro/€85).

    Nesta última quinzena de setembro, a Quinta de la Rosa, nas imediações da vila do Pinhão, detentora da mítica vinha Vale do Inferno, além da tradicional vindima, caminhadas, lagarada noturna, provas e jantar vínico (€50), dispõe ainda da vertente alojamento (10 quatros, quatro suítes, duas casas independentes e piscina com vista para o Douro). A festejar o outono, no Alto Douro Vinhateiro, em Tabuaço, também a Quinta da Pôpa volta a acolher visitantes dos quatro cantos do mundo para as “Vindimas à do Pôpa”. Ao longo de sete horas, os participantes irão vivenciar a aventura da seleção e corte das uvas, transporte da fruta até ao lagar e pisa. A novidade deste ano é a visita ao novo Museu da Vindima da casa, sem descurar o prazer da mesa do almoço tradicional duriense e provas de vinhas comentadas por enólogo (€60). Ainda mais a norte, os apreciadores do verde têm no acolhedor Minho várias quintas como destino, da Quinta das Pereirinhas, em Monção, onde se vindima ao som da concertina, à Quinta de Vilacetinho, com percurso pedestre por Alpendurada, à Quinta da Aveleda, em Penafiel, casa de petiscos minhotos e de provas de Alvarinho e Loureiro. Todos os anfitriões equipam os visitantes com ‘kit vindimas’, como tesoura, balde, chapéus e t-shirt.

    Sociedade Agrícola de Santar 3520-127 Santar - Portugal

    +351 232 960 140

    Sobre nós

    A Casa de Santar foi fundada em 1790 e é, hoje, uma das marcas mais emblemáticas do Dão, fruto da sua história e dimensão e do prestígio e elegância dos vinhos aqui produzidos.

    REDES SOCIAIS

    Siga-nos através das nossas redes sociais. Fique a par de todos as nossas novidades.